Hábitos que geram problemas de mordida nas crianças

Dessa vez vamos explanar os problemas de mordida causados por hábitos infantis prolongados (além da idade limite). Seja qual for o fator causador da mordida errada os aparelhos ortodônticos ou ortopédicos podem intervir nesses hábitos dificultando-os, bem como restabelecendo a relação correta das arcadas dentárias.

Algumas dessas mordidas erradas podem ser observadas a partir dos 4 anos  de idade e outras quando ainda é um bebê, mesmo sem os dentes observando a deglutição e a relação das arcadas.

Hábitos prolongados considerados prejudiciais encontramos:

  • Uso de chupetas
  • Mamadeiras
  • Sucção do dedo

Os principais problemas de oclusão causados por esses hábitos são:

  • Mordida aberta
  • Mordidas cruzadas posteriores
  • Atresia maxilar: quando o céu da boca fica muito estreito dificultando a entrada de ar nas narinas e consequente respiração bucal.
  • Bruxismo
mordida aberta
Mordida aberta

 

Atresia maxilar
Atresia maxilar – quando o céu da boca fica muito estreito

 

mordida cruzada posterior
Mordida cruzada posterior

 

bruxismo
Desgaste nos dentes por rangidos noturnos – Bruxismo

Como corrigir os problemas de mordida?

Crianças com problemas respiratórios podem ter problemas de ansiedade levando à ocorrência maior de bruxismos (ranger de dentes) o que está muito relacionado ao aspecto emocional. Quando elas respiram inadequadamente, dormem mal, comem mal e consequentemente têm baixo rendimento escolar, inquietação e sonolência o que muitas vezes pode ser confundido com déficit de atenção. As crianças alérgicas, que sofrem de rinites também podem desenvolver problemas nas mordidas e bruxismo pelo fato de respirarem mal.

As chupetas devem ser sempre ortodônticas (peça ajuda do odontopediatra para escolher) e deverá ser removidos até os três anos de idade quando a mordida aberta ainda poderá ser corrigida espontaneamente. O hábito prolongado da mamadeira também pode levar à mordida aberta e consequentes problemas respiratórios.

Se a mãe tiver dificuldades na remoção desses hábitos, o odontopediatra poderá ajudar com técnicas e orientações.

A sucção do dedo é um hábito um pouco mais complexo de se remover e requer muitas vezes um trabalho emocional mais criterioso que odontopediatra poderá ajudar.

Amamentar no seio previne vários problemas e uso de aparelhos ortodônticos no futuro. E a posição do bebê na hora da amamentação pode influenciar no crescimento dos ossos e isso é definido caso a caso com a orientação do odontopediatra.

O ortodontista infantil e o odontopediatra podem ajudar com orientações e aparelhos dependendo da idade e maturidade emocional da criança. Como normalmente existem vários problemas associados às mordidas erradas é importante obter a ajuda de uma equipe multidisciplinar (fonoaudiólogo, otorrinolaringologista, etc).

Contando ainda com a paciência, persistência e muito boa vontade e carinho dos pais.

Cada situação é uma em especial e não há regras sem exceções, ou seja, temos que levar em conta a história de cada criança.

Mais uma vez papais e mamães: estamos juntos!

Até o próximo encontro.

Odontologia – Universidade de Marília/SP (1993)
Odontopediatria – SPEO – Curitiba/PR (1998)
Comente