Ganho de peso na gestação

Durante a gestação o corpo da mulher sofre varias mudanças fisiológicas que são necessárias para regular o metabolismo materno e promover o crescimento fetal. Uma das mudanças, é que o período da gestação é anabólico, ou seja, ele está construindo tecidos e requer de uma quantidade extra de energia e nutrientes para garantir o crescimento e manutenção do feto e da placenta. E ai, surge uma dúvida, e um medo muito comum nas mamães com relação ao ganho de peso. Quantos quilos vou ou posso ganhar?

Vamos parar um pouquinho aqui!!! Antes de falar sobre o ganho de peso durante a gravidez, quero comentar sobre um fato muito importante – o estado nutricional da mamãe antes de engravidar, porque ele influencia em quantos quilos você poderá ganhar na gestação. Isso quer dizer que nem toda mulher deve ganhar de 9 a 12 quilos na gestação. Vamos lá, vou explicar melhor pra vocês.

A preparação da mamãe para a gestação é indicada para o ganho de peso adequado

O estado nutricional pré gestacional influencia durante toda a gestação. Por exemplo, se uma mulher engravida e está abaixo do peso ideal, ela aumenta os riscos do feto apresentar retardo de crescimento intrauterino (RCIU), prematuridade e baixo peso ao nascer. Já se a mulher estiver com excesso de peso, os riscos são de desenvolvimento de diabetes gestacional, pré-eclâmpsia, trabalho de parto pré maturo, entre outros.

ganho de peso

Além de avaliar o estado nutricional da mamãe pré gestacional, esse acompanhamento deverá ser feito durante toda a gestação. Mas, e se eu não souber do meu estado nutricional pré gestacional e já estou com 25 semanas? Não se desespere! A avaliação poderá ser feita de qualquer forma, e será levado em consideração o peso relatado pela mãe.

Temos que levar em consideração ainda o perfil da mamãe e seu dia a dia. Porque tudo isso acaba influenciando no ganho de peso.

  • Se pratica exercícios físicos;
  • se possuem alguma intolerância alimentar ou preferências,
  • se é a primeira gestação ou não, o histórico familiar.

O IOM (Institute of Medicine) recomenda que o ganho de peso seja avaliado de acordo com o IMC – Índice de Massa Corpórea da gestante – levando em consideração o peso pré gestacional. E pode variar de 13 a 18 quilos para uma gestante classificada com desnutrição. E de 05 a 09 quilos para uma gestante classificada com obesidade. Porém, nessa classificação não levamos em consideração outros fatores importantes. Portanto, uma avaliação individual é necessária para termos uma gestação tranquila. Lembre-se, cada mulher é única e cada gestação é especial!!

Nutricionista para mamães e bebês
Amante de uma boa viagem, daquelas que quando tiver filho, já vai fazer o passaporte dele.
Comente