Desfralde da Catarina

Desde da metade do ano começamos a explicar para a Catarina aonde ela deveria fazer o número 1 e o número 2. Eu não falo através de números com ela, apenas aqui para ficar mais “adequado”. Ela mesma começou a apresentar sinais de que sabe o que está fazendo e logo que fazia, principalmente o #2 nos avisava para que fôssemos trocá-la. Então nesse post quero explicar como foi esse processo de desfralde

Relato do desfralde da Catarina

Por isso, passado a festa de aniversário delas, na segunda-feira dia 12/12, iniciei a retirada da fralda durante o dia. E foram dois dias sem a menor demonstração de que ela parecia entender o que estava acontecendo, vazou incontáveis #1 e também #2. Na quarta-feira, tinha uma aniversário para ir e lá tinha duas mamães de meninas de 3 anos, ou seja, era a minha chance de conversar e colocar as minhas expectativas na devida ordem.

Claro que levei a Catarina de fralda, aliás, aquele dia ela passou de fraldas, porque pela manhã sai fazer as fotos de Natal (fica ligadinho no meu Instagram que logo vai ter prévia lá!), mas enfim, foi muito bom ter conversado com elas e apesar de me dizerem que ela ainda é novinha e que talvez fosse bom esperar pelos 2 anos e meio, a conversa me animou em persistir!

Na quinta-feira, o xixi continuou vazando, contudo, já tivemos nosso primeiro sucesso: ela avisou que queria o #2 e conseguiu fazer no assento redutor. Ah é! Esqueci de falar, não comprei pinico e nem troninho musical, estou colocando direto no vaso sanitário com redutor devido a todo trabalho que já estava fazendo com ela ao longo do segundo semestre.

Modelo de assento redutor que estamos utilizando
Modelo de assento redutor que estamos utilizando

Na sexta-feira, ela pediu duas vezes para fazer o #2 e meio que sem querer acabou fazendo o #1. O que foi bem legal, todas as vezes que ela faz certinho no assento redutor comemoramos e fazemos uma festa. E hoje, sábado, ela também fez xixi no assentinho, e fez várias vezes na calcinha. Aliás, está chuvoso e frio, então ela está de calça e calçados, mas estamos bem felizes com os seus primeiros resultados.

A lembrança que não devemos comparar

Eu sempre achei que o #2 seria mais difícil para ela porque foi para o Cauê. Ela me surpreendeu porque a sua consciência corporal do #2 é mais do que para o #1. Cada filho é diferente, até mesmo nessas horas.

Estoque

Calcinhas!!! Muitas calcinhas, acho que comprei cerca de 30 calcinhas. Um exagero né! Eu sei… mas ainda bem, porque assim não fico preocupada que seque logo a roupa. Claro, que tenho que lavar toda vez que ela faz #1, por isso já deixo uma bacia separada com um pouco de amaciante para deixar de molho e no fim do dia, tiro o amaciante e coloco secar.

Pano de chão

Sinceramente, estou pensando em aumentar meu estoque de pano de chão. Primeiro porque eles demoram para secar e segundo porque estou utilizando muito deles!

Bom, acredito que o resumo da primeira semana de desfralde é esse! Estamos felizes com as pequenas conquistas da nossa pequena em desfraldar. Temos consciência que pode demorar o tempo que ela precisar para criar a ciência de como segurar o #1 e à medida que vai tendo sucesso, cada vez vai ficando mais fácil.

E vocês, como estão nesse processo com seus filhos? Mas se você já passou por essa experiência, compartilha também, pode nos ajudar muito!!!

Mãe do Cauê e da Catarina 🙂




Comente