Acessibilidade???

Hoje quero comentar um pouco sobre esse assunto, melhor, sobre essa palavra tão difícil de falar, escrever e ACONTECER!

Ok, o post vai ser mais um desabafo sobre esse assunto.

Conceito de acessibilidade: “A Acessibilidade consiste na facilidade de acesso e de uso de ambientes,  produtos e serviços por qualquer pessoa e em diferentes contextos. Envolve o Design Inclusivo, oferta de um leque variado de produtos e serviços que cubram as necessidades de diferentes populações, adaptação, meios alternativos de informação, comunicação, mobilidade e manipulação, produtos e serviços de apoio/acessibilidade. [Francisco Godinho, 9 de Janeiro de
2010]”
Fonte:  Acessibilidade

Muito bonito o conceito, certo? Mas vocês já pararam pra se colocar no lugar da outra pessoa? Uhm… pouco provável, certo?

Recomendo que leiam esse post da minha querida blogueira Carol Passuelo, mãe de gêmeos.

Quando andamos na rua, pura e simplesmente, não notamos NADA! As mulheres até podem reclamar de uma calçada ou outra por causa que vai estragar o salto delas! Mas além disso… uhmm… realmente a calçada não faz muita diferença pra quem não está com a mobilidade reduzida.

As calçadas são um caos!!! Exemplo:

Infelizmente, é assim que a maioria das calçadas pelo Brasil são, ou estou errada?!

Afff… fiquei indignada!

Saí de um shopping pra ir pro outro shopping que deve dar uns 500 metros de distância, quando me deparava com meio-fio… posso contar nos dedos quantas vezes eu não precisei fazer força pra levantar o carrinho…das 7 vezes que tive que fazer isso.. apenas 3 vezes eu tinha o acesso. Nem preciso dizer que os shoppings são os lugares mais visitados da cidade.

A calçada até o outro shopping, CAOS. Somente na frente dos dois shoppings que era bonitinha e trafegável.

Sério gente, pode não ser MUITA COISA pra quem não tem dificuldades. Mas eu ainda tinha como desviar pra rua ou coisa do tipo… só tinha que aguentar a cara de desaprovação dos motoristas, mas ok, só um mero detalhe!

E um cadeirante, cego? Uhmm… pois é… acho que eles não merecem ter acesso a entreterimento, afinal de contas, são tão poucos que nem devem notar!

Poderia escrever tantas coisas aqui, tantas mesmo. Criticar o governo a torta e a direita.

Mas vou esquecer que ele existe por um momento, não dá pra esperar milagres acontecerem lá! Só queria que você refletisse como está a calçada da sua casa???

Não precisamos ir muito longe… faça você! Ajude você! Se ver alguém com dificuldade, ofereça ajuda!

Eu tive que levantar o carrinho porque o meio-fio era muito alto, meu filho tá com 9 kilos, mais bolsa, mais carrinho… eu consigo fazer isso sozinha… MAS O QUE CUSTA OFERECER AUXILIO?

Enquanto não há completas mudanças físicas… que haja mudança de comportamento!

Melhor vídeo explicativo! Muitas pesssoas vão agradecer quando isso se tornar realidade!

Mãe do Cauê e da Catarina 🙂




Comente